Registo de pensamentos, experiências, notícias e paragens de cérebro
comentar
publicado por APTpt, em 03.12.10 às 00:17link do post | favorito
No próximo dia 11 de Dezembro, pelas 15h30, na Fundação Eng. António de Almeida, no Porto, a ATACA realizará um Concerto de Natal pelas crianças africanas com a participação do Coro Anonymus e da Orquestra Portuguesa de Guitarras e Bandolins.

Estão convidados a celebrar a paz, a fraternidade e a harmonia enquanto valores universais, num encontro entre vozes e instrumentos enquanto faces de uma mesma paleta musical.

Apresentando melodias intemporais no seu estado mais puro, pontuadas por momentos de redescoberta trazidos por criadores dos nossos tempos, esta hora de música propõe-se preencher os espíritos de todas as idades com a leveza das sonoridades natalícias.

Bilhetes – 4 atacas (reservas ataca@ataca.org)

Organização:
ATACA – Associação de tutores e amigos da criança africana
Apoios:
Fundação Eng. António de Almeida
Coro Anonymus
Orquestra Portuguesa de Guitarras e Bandolins
Confeitaria Petúlia

Fonte: Coro Anonymus

comentar
publicado por APTpt, em 01.12.10 às 23:09link do post | favorito
"Alentejo, tempo para ser feliz" é a assinatura da nova imagem promocional apresentada ontem pelo presidente da Entidade Regional do Alentejo, António Ceia da Silva, que posiciona a Região como um destino "fresco", "pintado de azul", que alia os valores do Património, Natureza aos "novos espaços" como o Alqueva ou o litoral.

A apresentação da nova imagem e plano promocional contou com a presença do Secretário de Estado do Turismo, Bernardo Trindade, que disse que o trabalho que vindo a ser feito em prol do reconhecimento da região se reflecte nos números e reforçou a necessidade de apoiar as regiões emergentes, além das mais maduras, no quadro da oferta nacional.
Gamado, aqui.

comentar
publicado por APTpt, em 23.11.10 às 22:00link do post | favorito
O gasto médio dos turistas, que visitam o Porto e o Norte de Portugal, aumentou 6% relativamente ao trimestre anterior, rondando os 850 euros. No que respeita ao turismo de negócios, os gastos aumentaram cerca de 4%, dos 421 euros para os 697 euros.

Este é o resultado de um estudo realizado pelo Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo que revela ainda que cerca de 8,1% dos turistas em lazer aproveita para visitar a Galiza sempre que viaja para o norte do país.

Entre as cidades mais visitadas da Galiza estão Vigo, Santiago de Compostela e Ourense.  O estudo demonstra também que se verificou um aumento do turismo de lazer (79%) face ao turismo de negócios (21%), sendo que quem viaja em negócios vai para participar em seminários, congressos e conferências.
Para as suas viagens, os turistas escolhem, na maior parte das vezes, as companhias aéreas de baixo custo. Estes turistas pertencem a uma classe média-alta, são, na maior parte dos casos, casados, com níveis de rendimento elevado e habilitações superiores.

Gamado, aqui.

comentar
publicado por APTpt, em 23.11.10 às 18:31link do post | favorito
Perto de 30 por cento dos estrangeiros que visitam Portugal recorrem à Internet para obter informação sobre o país. Os dados constam de um estudo promovido, recentemente, pelo Turismo de Portugal e mostram que a grande rede tem cada vez mais importância como veículo de promoção de destinos turísticos.

Promovida durante o Verão junto aos balcões de check-in dos principais aeroportos portugueses, a análise refere que apenas três por cento dos turistas inquiridos ficaram interessados em visitar Portugal por estímulo publicitário, a ferramenta mais clássica nas estratégias de promoção dos destinos. Já a Internet foi responsável por 29 por cento das chegadas, escreve o jornal Público.

Estas conclusões levam o Turismo de Portugal a admitir que há esforços a fazer na forma como se promove o destino Portugal, com o organismo a referir que está a "reforçar a presença em plataformas de comunicação online", como as redes sociais.

Está igualmente prevista a disponibilização de uma "ligação directa entre o consumidor e a oferta" no novo portal de promoção externa, o visitportugal.com.

Entre outros dados diversos, o estudo sistematiza informação de perfil, concluindo-se que 55 por cento dos 1.100 turistas entrevistados tinham entre 35 e 54 anos e apenas nove por cento menos de 24.

Mais de metade tem educação equiparada ao ensino universitário e nenhum dos inquiridos possuía habilitações inferiores ao secundário. Apenas dez por cento viajaram sozinhos, quando a maioria veio acompanhada com o cônjuge ou com outros adultos. Há uma grande fatia (75%) que fica a totalidade da estada num único local.

Gamado, aqui!

comentar
publicado por APTpt, em 22.11.10 às 19:13link do post | favorito

Setenta e sete restaurantes da capital foram premiados com um garfo no âmbito do concurso Lisboa à Prova, no qual seguem agora para a corrida para obter uma distinção mais elevada, divulgou hoje a organização.

Os estabelecimentos foram selecionados de um grupo de cerca de 200 candidatos iniciais e são agora semi-finalistas da prova, na qual poderão obter até três garfos, com base em visitas de um júri anónimo.
Nesta quarta edição, lançada há cinco meses, foram realizadas 600 avaliações, das quais resulta a lista hoje divulgada e que vai ser disponibilizada online, no site da iniciativa (www.lisboaaprova.pt).

comentar
publicado por APTpt, em 22.11.10 às 09:32link do post | favorito
Um Bar de Gelo é uma das muitas novidades do Óbidos Vila Natal 2010. Este ano, o evento volta a surpreender numa viagem entre o passado e o futuro. Promete encantar famílias inteiras, de 10 de Dezembro a 2 de Janeiro de 2011.


O Bar de Gelo será um espaço único onde o gelo se sente em cada peça e que será difícil esquecer. Uma novidade que ninguém quererá perder.

No entanto, a magia não fica por aqui. Um lindo Mercado de Natal, onde se encontram singulares presentes, um Carrossel de sonho e a Casa do Pai Natal são referências que nos transportam para o Natal antigo e nos enchem de saudades do tempo de crianças, mas que são acompanhadas pelas diversões mais modernas como a Pista de Gelo ou a Rampa do Castelo.

No evento Óbidos Vila Natal haverá, igualmente, um espaço onde poderá assistir com a família e amigos a espectáculos de cariz infantil que tornarão esta visita ainda mais surpreendente.

Óbidos Vila Natal é mágico… Promete muita brincadeira, animação, cor, música e alegria e a sensação de entrar numa viagem onde o Natal do Passado, Presente e Futuro se vive a cada recanto.

comentar
publicado por APTpt, em 21.11.10 às 23:28link do post | favorito
Têm mais de 35 anos, são atraídos por recomendações de conhecidos e não gostam de viajar sozinhos ou andar de mochila às costas. É este o perfil do turista que escolhe o território português para passar férias, durante o Verão. O estudo, da responsabilidade do Turismo de Portugal, vai servir para afinar a estratégia de promoção do país no exterior e responder melhor às exigências dos visitantes, que apreciam as paisagens, a simpatia e os vinhos e ficaram menos satisfeitos com o custo de vida e a fraca fluência de idiomas estrangeiros.

Durante 11 dias, o organismo entrevistou 1072 turistas de sete nacionalidades, junto aos balcões de check-in dos principais aeroportos portugueses. O Estudo de Satisfação dos Turistas, que incidiu, principalmente, sobre os britânicos, que representam 40 por cento da amostra e são também os que mais contribuem para o sector em Portugal, faz um retrato do perfil, expectativas e previsões de regresso ao país.

De entre as principais conclusões, está o facto de 51 por cento dos inquiridos se encontrarem, pela primeira vez, em território português. Para o Turismo Portugal este dado "está em linha com a estratégia de conquista de novos públicos" e associado ao facto de "Portugal se ter tornado mais acessível por via aérea", com os incentivos às companhias de aviação, sobretudo às low-cost, através do programa estatal Iniciativa.pt.

Um destino recomendado

Mais de 40 por cento escolheram Portugal por recomendações de familiares e amigos, quando estavam na fase de planeamento das férias, e decidiram viajar até ao país por causa do clima e da paisagem (56 por cento) e da forma hospitaleira de acolhimento (30 por cento). No caso dos espanhóis, o factor proximidade é apontado por 56 por cento dos inquiridos.

Apenas três por cento ficaram interessados em visitar Portugal por estímulo publicitário, a ferramenta mais clássica nas estratégias de promoção dos destinos. Já a Internet foi responsável por 29 por cento das chegadas da amostra analisada.

Estas conclusões levam o Turismo de Portugal a admitir que há esforços a fazer na forma como se promove o destino Portugal. Além de deixar satisfeitos os que passam pelo país, o organismo está a "reforçar a presença em plataformas de comunicação on-line", como as redes sociais, e vai passar a incluir uma "ligação directa entre o consumidor e a oferta" no novo portal de promoção externa, o visitportugal.com.

Em termos de satisfação, o estudo concluiu que 91 por cento dos inquiridos ficaram "muito satisfeitos" com a estada. E que 44 por cento consideraram que as férias ficaram "acima das expectativas". As paisagens, as praias, a simpatia da população local e a gastronomia e vinhos foram os pontos mais apreciados.

Já os serviços de saúde, o custo de vida e a preservação ambiental só satisfizeram cerca de metade dos turistas. A fraca fluência de idiomas estrangeiros também foi um dos contras apresentados por uma parte dos inquiridos. Ainda assim, 54 por cento disseram que "de certeza voltará a Portugal". Seis por cento admitiram que "provavelmente" não o farão.

Para ver a notícia completa, clique aqui!

comentar
publicado por APTpt, em 19.11.10 às 17:02link do post | favorito
O ministro do Turismo, Comércio e Indústria do Governo de Andorra, Claudi Benet Mas, disse esta quinta-feira que o Principado quer apostar mais no turismo social e, para isso, está em conversações com o INATEL (Instituto Nacional de Aproveitamento de Tempos Livres), para criar parcerias.

Claudi Mas defendeu a necessidade da aposta no turismo social, além das apostas mais fortes do destino: neve, compras, turismo rural e turismo de natureza. “A ideia com o INATEL é afirmar um acordo, possivelmente antes do Natal, mas isso vai depender mais da ministra da Saúde, que está com esse assunto. Creio que, em 2012, poderemos começar a trabalhar o tema do turismo social desenvolvido pelo INATEL, que eu sei que aqui em Portugal é trabalhado de maneira fantástica”, afirmou. “Costumam dizer que queremos em Andorra turistas de qualidade. Eu digo não. Andorra tem de ser um país de qualidade, com visitantes de todo o mundo. Temos de acolhê-los com respeito e consideração. No turismo social, o turismo balneário e o turismo cultural são importantes e Andorra tem muito disso. Há muito para fazer nessa área”, acrescentou.

Gamado, aqui.
tags:

comentar
publicado por APTpt, em 19.11.10 às 14:00link do post | favorito
Cerca de 18.000 turistas portugueses visitaram Andorra no Inverno do ano passado, de acordo com dados hoje divulgados durante a apresentação da oferta turística do Principado, sendo que a estada média de cada visitante é de cinco dias. Segundo disse ao Publituris o Ministro do Turismo, Comércio e Indústria do Governo de Andorra, Claudi Benet Mas, no Inverno, depois dos espanhóis e dos franceses, os turistas que mais nos visitam são os britânicos, os russos e os portugueses”. Em 2009, Andorra recebeu quase nove milhões de turistas.

Apesar de não terem sido avançados números concretos em termos de crescimento face a 2008, Noemí Pedra, directora de Marketing do Turismo de Andorra, disse que há uma tendência de crescimento e que, este ano, “a esperança é que esse número aumente também”. Para isso, acrescentou Claudi Benet Mas, está a ser feita uma aposta na embaixada em Portugal, com o objectivo de ser trabalhada a promoção, além das habituais campanhas de publicidade e comunicação.

Apostas

Durante uma apresentação da oferta turística do Principado, esta quinta-feira, os responsáveis explicaram que o destino está a apostar actualmente na cultura e na natureza para atrair mais visitantes. Ao longo de um vídeo promocional, foram apresentados aqueles que são os “produtos bandeira”: a neve, com mais de 300 quilómetros de pistas e duas grandes estâncias de ski, a natureza, o turismo de bem-estar, o turismo de compras, a cultura, os eventos profissionais e desportivos, a diversão nocturna e os serviços turísticos, com mais de 34.000 camas. Tudo isto num país onde “o turismo é a principal fonte de receitas”, de acordo com o ministro.

Perfil

O turista que visita aquele que é conhecido como o “País dos Pirinéus” chega principalmente de automóvel, mas também de avião ou autocarro, a partir de Barcelona, Girona, Lleida ou Toulouse. Na sua maioria, os visitantes do Principado são casais que chegam ao destino para praticar desporto, fazer compras ou conhecer o seu vasto património cultural.

Gamado, aqui.
tags:

comentar
publicado por APTpt, em 31.10.10 às 12:00link do post | favorito
"A câmara de Faro anunciou a abertura de concursos para os dois Núcleos de Desenvolvimento Turístico (NDT) do concelho, que vão dividir as novas 1030 camas atribuídas pelo Plano Regional de Ordenamento do Território (PROT) do Algarve.

Em causa estão o NDT Litoral, “que compreende o perímetro territorial da freguesia do Montenegro”, e o NDT Barrocal/Campina, “que abarca as freguesias de Estói, Sta. Bárbara de Nexe e Conceição”, com 515 camas turísticas cada, e os interessados têm três meses para formalizar as propostas, precisou a autarquia.

“Os concorrentes, nas suas propostas, deverão promover o reforço das valências do local, a compatibilização com os valores ambientais e patrimoniais, bem como as relações com o turismo cultural da cidade e do núcleo de Estói”, sublinhou a câmara presidida por Macário Correia num comunicado. (...)"

Para ler a notícia completa, clique aqui.

mais sobre mim
Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO
subscrever feeds